Dark

Light

Dark

Light

Scroll to top

Experiência Phygital: As chaves para a nova realidade

Vivemos em uma combinação do mundo digital e do mundo físico: há muito tempo experimentamos as novas realidades digitais, impulsionadas ainda mais pelo contexto da pandemia global. Precisamente antes desse “boom”, as empresas estavam em constante busca de novas tendências que lhes permitissem manter atualizadas. Nesse caso, estamos falando da experiência phygital, que busca unir a realidade do mundo físico com a do mundo digital, tudo visto pelas lentes do marketing.

O digital já faz parte da nossa realidade: está presente em muitas ações do dia a dia. A experiência phygital tem tudo a ver com a integração de ambientes para que os consumidores tenham uma estrutura perfeita e sem atrito. Em outras palavras, o e-commerce une lojas físicas para integrar o usuário a uma experiência phygital.

Experiência Phygital: conceitos principais

  • Conecta dois ambientes. A experiência phygital é capaz de conectar o ambiente offline com o ambiente online. Trata-se de reunir os dois ambientes e criar uma experiência mais completa e satisfatória, mas também fluida e contínua.
  • A abordagem ao cliente é importante. Onde quer que o usuário esteja, a experiência phygital tende para o próximo nível de comércio omnicanal, o unified commerce. Toda essa jornada deve sempre apontar para um processo de compra fluido e próximo.
  • A interação pessoal ainda é importante. A parte física e emocional que envolve o processo de compra continua sendo essencial para enriquecer a experiência. É por isso que é necessário também em uma experiência phygital.
  • Ambiente colaborativo. O trabalho comum entre os diferentes canais e sua integração na jornada do cliente são elementos importantes da experiência phygital. Devemos garantir que o usuário perceba a marca como uma unidade, a partir de qualquer canal e ponto de interação.
  • O melhor de dois mundos. As melhores coisas do ambiente digital podem ser resumidas em velocidade e imersão, enquanto as melhores coisas do ambiente físico seriam a interação com as pessoas e o produto. A união de ambos permite uma forma fluida de manter o engajamento com os consumidores em cada uma das interações. Além disso, podem promover as vendas e melhorar o grau de satisfação do consumidor.

Experiência phygital e eventos híbridos

Certamente haverá um antes e um depois marcados pelo surgimento da pandemia Covid19 em nível global. Diante disso, muitos são os especialistas que se empenham em estudar o comportamento do consumidor nessa nova realidade. E também na aplicação de sua engenhosidade e inventividade para atrair o novo consumidor.

Embora se espere que os eventos físicos voltem depois de um certo tempo, a aposta das grandes marcas é na gestão de eventos com opções híbridas, pelo menos a curto e médio prazo. A este respeito, o chefe de eventos da BMW na Espanha, Álvaro Massó, comentou recentemente que os eventos vão voltar, mas que será necessário primeiro “superar as barreiras psicológicas que este vírus colocou sobre todos nós”.

Diante disso, as estratégias das grandes marcas estão se voltando para experiências físicas, com propostas digitais de alto valor, “combinando emoção com ações táticas”, como enfatizou Massó.

Embora a digitalização seja amplamente utilizada em uma série de atividades, os eventos híbridos buscam, com base na experiência phygital, dar maior destaque ao digital. Ou seja, pretendem aproximar a marca das pessoas por meio de eventos de caráter phygital.

Soluções híbridas

Existem muitas ferramentas e soluções que podem ajudar nessa integração, algumas com vários anos no setor como digital signage, BOPIS, chatbots, etc. Porém, também há elementos de última geração que estão sendo reforçados e outros estão sendo fortalecidos com a parte física, como realidade aumentada, beacons, touch screen, RFID, Smart testers, Light ID, entre outros.

Um grande player neste tipo de experiência é a IKEA, que com seu aplicativo constantemente aprimorado, garante que você tenha o catálogo atualizado e pronto para ajustar qualquer produto em sua casa ou escritório.

Outra marca com integração phygital é a WAZE que valoriza a oferta de valor que é oferecer a melhor rota para o seu destino,mostra-lhe os locais de que necessita durante a viagem, tais como: postos de gasolina, parques de estacionamento, bem como ofertas das marcas que, através de geolocalização , eles alcançam os motoristas próximos.

As opções são diversas e o objetivo é agregar todas as peças disponíveis e fazer com que os consumidores tenham experiências significativas através de soluções phygital.

Hoje, mais do que nunca, são necessárias pró-atividade e novas ideias, propostas brilhantes e disruptivas, empatia, flexibilidade, otimismo e conhecimento do mercado, pois estas serão as peças-chave para se manterem presentes na consideração do consumidor.

Na Marco Marketing, entendemos que o ecossistema de marketing requer soluções ágeis e fáceis de implementar. Por isso todos os nossos serviços são nativamente phygital, ou seja, em qualquer cenário que o projeto requeira, nossas plataformas digitais fornecem às equipes de trabalho a tecnologia necessária para atingir os objetivos.

Conheça nossos serviços e sinta-se convidado a uma conversa para escutarmos como podemos trabalhar juntos e contribuir para sua estratégia de vendas.

Fonte

https://www.aecoc.es/articulos/experiencia-phygital-la-ultima-gran-tendencia-del-marketing

https://ipmark.com/eventos-pos-covid-19-experiencia-phygital

https://www.caad-design.com/covid-19-y-el-retail-el-futuro-del-sector-tras-la-pandemia

Post a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *